Storage caseiro com SnakeOS e NS-K330

Olá pessoal !

Alguns dias atrás, após 5 longos meses, minha encomenda chegou em casa. Estou falando do NAS chinês NS-K330, que os Correios fizeram o favor de perder na primeira remessa. Nada com o que o DealExtreme não esteja acostumado – Me enviaram outro assim que reclamei do acontecido.

Por sorte eu estava com a noite livre, e logo de cara já resolvi o instalar em minha rede.

Para quem não sabe, o NS-K330 é um NAS multifuncional, pelo modesto preço de US$ 39,40, disponível para venda no Deal Extreme. Clique aqui caso resolva comprá-lo.
O NS-K330 não possui um HD interno. Por esse preço também seria pedir demais, né ?

Ao invés, ele vem com duas portas USB, que você pode usar para plugar impressoras, pendrives e HD’s externos.
Eu pessoalmente acho isso muito bom, pois podemos trocar as memórias quando lotarem e não estivermos com tempo para esvaziar tudo.

As utilizações desse brinquedinho são várias: Cliente de Bit Torrent (transmission), servidor Samba, FTP, SFTP, SSH, Telnet e HTTP.
Eu o comprei especialmente pelas funções de torrent, mas todas as outras são bastante úteis, e bastante confiáveis. Isto é, claro, se considerarmos que ele possui aproximadamente 10×5 cm de tamanho. É menor do que um smartphone, apesar de ser um pouco mais grosso.

Bom, sem mais delongas, vamos ao batente. O sistema operacional nativo dele é bem ruinzinho – depoimento de vários conhecidos, e também de outros clientes no site do produto la no DealExtreme. O que fazer então ?

Apresento-lhes o maravilhoso SnakeOS !

O SnakeOS nada mais é do que um port do sistema operacional Linux para o hardware do NS-K330. Ele contém mais softwares, mais robustez e muito mais facilidades para os usuários.
Por exemplo, interface web para o client de torrents Transmission, servidores de SSH, Cups, FTP e Samba, todos com configurações Unix-Like, com um uptime impressionante !

A instalação pode ser feita simplesmente baixando a imagem do firmware no site do projeto, e enviando para o nosso NAS caseiro pela interface de administração (caso estivermos instalando a partir do firmware original). Simples assim !
As instruções de como atualizar do SnakeOS para o SnakeOS são igualmente simples, e podem ser lidas neste endereço, no wiki do projeto.

Após a instalação do NAS na tomada, plugamos um pendrive e o conectamos no router para começar a brincadeira. Pode-se acessar a interface dele via web, ativar o Transmission e pronto, temos um client acessível de qualquer lugar da nossa rede.
Recomendo também que você crie uma conta no DynDNS ou No-IP, para que possamos usar a opção do Snake de sincronizar, automaticamente, o IP do nosso brinquedinho com um DNS dinâmico na internet.

Isso mesmo, acessível de qualquer ponto do planeta. E essa é a grande jogada na minha opinião.

Imagine você chegar no escritório de manhã, e de lá mandar o SnakeOS/NS-K330 começar a baixar seu torrent favorito. Ao chegar em casa, você apenas precisa pegar o arquivo direto no Pendrive, ou acessar via Samba/SCP o arquivo, direto do nosso NAS caseiro. Interessante, não ?

Para mim, pelo preço pago, foi uma compra fantástica. Bom, barato e muito interessante.
Algumas fotos, roubadas do site do produto no DE:

http://www.dealextreme.com/details.dx/sku.26320

O kit completo.

http://www.dealextreme.com/details.dx/sku.26320

As duas entradas USB presentes no NAS

http://www.dealextreme.com/details.dx/sku.26320

Interface ethernet, botão de reset, leds indicadores e entrada de linha

Espero que assim como eu, todos gostem e se divirtam com o gadget !
Abraço a todos.

Sobre Jeremias Zerbini

Jeremias Zerbini escreveu 76 artigos neste blog.

27 anos, entusiasta de tecnologias opensouce, geek, adorava perder as partições do HD aos 15 anos instalando GNU/Linux. Gosta de video-games, e isso inclui instalar o Yellow Dog no PS3 novinho. Consultor autônomo na área de infra-estrutura de servidores, está sempre dedicando, quando possível, um tempinho extra para pesquisar sobre novas e melhores alternativas ao software proprietário [mas sem histeria].

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

37 Responses to “Storage caseiro com SnakeOS e NS-K330”

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>